Lycans

Lycans, licans, lupinos, woyruas, ou simplesmente, lobisomens. O mito que acompanha a humanidade desde as épocas mais remotas da história. O famoso folclore que ganhou versões das mais variadas possíveis em todos os cantos do mundo. Defini-se: “Lobisomem ou licantropo (do grego λυκάνθρωπος: λύκος, lykos, “lobo” e άνθρωπος, anthrōpos, “homem“), é um ser lendário, com origem em tradições europeias, segundo as quais, um homem pode se transformar em lobo ou em algo semelhante a um lobo em noites de lua cheia, só voltando à forma humana ao amanhecer.

Tais lendas são muito antigas e encontram a sua raiz na mitologia grega. Segundo As Metamorfoses de Ovídio, Licaão, o rei da Arcádia, serviu a carne de Árcade, a Zeus e este como castigo, transformou-o em lobo (Met. I. 237).Uma das personagens mais famosas foi o pugilista arcádio Damarco Parrásio, herói olímpico que assumiu a forma de lobo nove anos após um sacrifício a Zeus Liceu, lenda atestada pelo geógrafo Pausânias.

Segundo lendas mais modernas, para matar um lobisomem é preciso acertá-lo com artefatos feitos de prata.” http://pt.wikipedia.org/wiki/Lobisomem

A criatura misto de homem e lobo, recebeu e ainda recebe, constantemente,  teorias que tentam cada vez mais embasar e perpetuar o mito.

Dentre estas, temos a de ódio eterno jurado aos vampiros, o que seriam uma raça contrária, com ideais contrários ao seu código de sobrevivência.

Mas pouco se sabe sobre este juramento de ódio e sobre o seu verdadeiro fundamento. De acordo com a Bíblia Garzzamoniana, os chamados Droinans, como são denominados pela raça kayon, surgiram no ano de 815, pelo menos é onde consta o evento de um primeiro ataque destas criaturas a raça vampírica. E desde então, multiplicaram-se, assumiram uma organização digna de inveja e passaram a serem temidos e respeitados por todo o globo terrestre.

E mesmo com uma série de limitações biológicas, se comparadas ao organismo kayon, ainda são o maior oponente da hegemonia da Kayamatra ou até mesmo da Darckaya.

A origem desta raça ainda é um mistério até mesmo para os mais sábios dentro da 3S, e, há inclusive dezenas de experimentos e estudos que tentam comprovar o surgimento destes a partir das próprias mãos kayons, inclusive explicando ai, a natureza de tamanho ódio que os chamados filhos da lua mantêm pelos kayons. O próprio termo, Lycan, é citado como derivado de palavras do dialeto Garzzamoniano, ou seja, uma alcunha alienígena ligada a raça kayon.

A prata, assim como no folclore, é realmente um grande aliado, o interessante seria conhecer o porquê disto não? E enquanto as tecnologias parecem cada vez mais dominar este século, mesmo assim a magia ainda impera e, onde estas duas podem se fundir, com certeza, resultados completamente inesperados podem acontecer. Aguardem e poderão ver por si mesmos… (O Eterno e o Sangue. Volume III – Livro I)

 

7 Respostas para “Lycans”

  1. Eu nao sabia que lycans tinham tantos nomes, mas foi bom descobrir. Vlw pessoal

  2. Lola Mariah Says:

    Nossa q legal, gostei muito

  3. como bom conhecedora sobre lycans achei o texto interessante. muito bom.

  4. Por mais que seja uma doença rara eu acho que tenho a licantropia com certeza vcs devem estar assim: “esse garoto idiota que so quer chamar atençao”nao eu nao quero chamar atenção de ninguem mais enfim ontem foi lua cheia e eu fiquei na minha janela ate 12 : 00 e entao a lua ficou no apice e eu desmaiei e quando eu acordei eu estava no meu telhado nao sei oq aconteceu e nao me lembro de nada ,nada mesmo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: